Intermediários

Processos, ferramentas e ambientes para objetivos subjetivos

O que é invisível a nós? Que coisas escapam aos cinco sentidos, que estão presentes mas não podem ser definidas? Ou seria a pergunta, o que é o invisível?

Um objeto é comum. Porém quando é portador de um poder, o que passa a ser? Um talismã, uma arma, um instrumento? O poder transforma o objeto em um veículo, uma ferramenta que permite ao seu operador realizar o objetivo proposto. Igualmente, uma área quando designada e delimitada passa a ser o espaço que possibilita o acontecimento do objetivo proposto. E interessam também os espaços de fronteiras pouco definidas, como são os espaços emocionais e espirituais, da mesma forma os dos sonhos e os das fantasias. Espaços estes que são abstratos e impalpáveis, que se permeiam e se confundem entre si, onde entramos e de onde saímos constantemente sem nos dar conta.

Os objetos-espaços atuam entre o físico, o psicológico, o emocional e o invisível. São intermediários e como tal passam a depositários de possibilidades, poderes e anseios. Pontuam o silêncio. São ações poéticas que existem no vazio entre as continuidades.

Rodrigo Cardoso, 2006

terça-feira, 26 de julho de 2011

Canoagem Oceânica: atualizando as notícias da travessia Rio-Santos

Paradeiro do Bruno:
SAB 23 JUL. PR. MEROS -MTA CHUVA.
SEM VISUAL DE JUATINGA.
CANAL COM VENTO E ONDA.
MAIS UM PERNOITE NOS MEROS.
VI UMA BALEIA!
AMANHÃ SONO.
ALOHA!
FITARONI
Ilha das Couves
DOMINGO 24 MEROS-SONO. 38,2 KM 05:O8H. VEL MED 7,4KH MAX 15,8KH.
CHEGADA 13:58H. VENTO LESTE FORTE A FAVOR. BOA VEL NO CANAL.
UM POUCO MEXIDO PX JUATINGA BAST MEXIDO CONT...
E NA JUATINGA TUDO BAGUNÇADO.
NA PONTA NEGRA ENTRE ILHOTE E COSTEIRA MAR UM POUCO NERVOSO.
CHEGUEI NO SONO! ENCONTREI DEBORAH.
VIVA!
FITARONI

SEGUNDA 25.
DIA DE SECAR, ARRUMAR, REORGANIZAR, PLOTAR E CHECAR MIL COISAS PARA PARTIR.
COMENDO PEIXE FRITO.
AMANHÃ ILHA DAS COUVES.
ALOHA.
FITARONI
Ilha das couves
BRUNO, ANIMADÍSSIMO JÁ CHEGOU NAS COUVES.
CHEGO AMANHÃ AÍ.
MANTENHA ENVIO DA PREVISÃO:)
ATÉ!
DEBORAH
Sexta pernada: Praia do Sono - Ilha das Couves
TERÇA, DIA 26/7.
PR. DO SONO - ILHA DAS COUVES.
25,4 KM EM 3:33HS.
VEL. MED.7,1 KM/H. VEL.MAX. 16,5 KM/H.
HORA CHEGADA 3:03H.
DIA DE SOL.
VENTO LESTE E ONDAS DE SE AJUDARAM BASTANTE NA METADE DO CAMINHO.
BOAS VAGAS SURFADAS NO CAMINHO. VEL. MAX. ALTA.
CRUZEI A FRONTEIRA DO RIO COM SAMPA (CABEÇA DO ÍNDIO).
A OLHA DAS COUVES É LINDA E TEM UM VISUAL FANTÁSTICO, DIFÍCIL DE DESCREVER.
CONTEMPLANO UM BELO POR DO SOL.
AMANHÃ PRAIA DO CEDRO.
SEGUINDO EM FRENTE.
FITARONI

"O tempo está melhor. Manda ver! Está indo bem!
Previsão Ubatuba, 4ª feira 27/7:
hora/vv/dv/ho/do
3/8/nw/1.3/e
6/8/nw/1.3/e
9/6/nw/1.3/e
12/5/s/1.2/e
18/2/sse/1.2/e
21/2/ne/1.2/e
Rajadas 7 nós max.
Abraço e firme no padelo!
Rodrigo"

Recapitulando:
Dia 1 - 3ª feira 19: P. Urca - P. Perigoso (51,6 km)
Dia 2 - 4ª feira 20: P. Perigoso - Pombeba (44,7 km)
Dia 3 - 5ª feira 21: Pombeba - Parnaioca (45,1 km)
Dia 4 - 6ª feira 22: Parnaioca - P. Meros (14,9 km)
Dia 5 - Sábado 23: P. Meros
Dia 6 - Domingo 24: P. Meros - P. Sono (38,2 km)
Dia 7 - 2ª feira 25: P. Sono
Dia 8 - 3ª feira 26: P. Sono - I. Couves (25,4 km)
Total até hoje: 219,9 km

Nenhum comentário:

Postar um comentário