Intermediários

Processos, ferramentas e ambientes para objetivos subjetivos

O que é invisível a nós? Que coisas escapam aos cinco sentidos, que estão presentes mas não podem ser definidas? Ou seria a pergunta, o que é o invisível?

Um objeto é comum. Porém quando é portador de um poder, o que passa a ser? Um talismã, uma arma, um instrumento? O poder transforma o objeto em um veículo, uma ferramenta que permite ao seu operador realizar o objetivo proposto. Igualmente, uma área quando designada e delimitada passa a ser o espaço que possibilita o acontecimento do objetivo proposto. E interessam também os espaços de fronteiras pouco definidas, como são os espaços emocionais e espirituais, da mesma forma os dos sonhos e os das fantasias. Espaços estes que são abstratos e impalpáveis, que se permeiam e se confundem entre si, onde entramos e de onde saímos constantemente sem nos dar conta.

Os objetos-espaços atuam entre o físico, o psicológico, o emocional e o invisível. São intermediários e como tal passam a depositários de possibilidades, poderes e anseios. Pontuam o silêncio. São ações poéticas que existem no vazio entre as continuidades.

Rodrigo Cardoso, 2006

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Rio Va'a 2011 - Aviso de Prova

Ia Orana amigos e amigas do Va´a.
A Confederação Brasileira de Canoagem, a Federação de Canoagem do Estado do Rio de Janeiro e o Rio Va'a Clube tem o prazer de convidá-los para participar da Rio Va’a 2011 que será realizada no Rio de Janeiro nos dias 10 e 11 de dezembro de 2011.
Décimo ano da etapa Sul-americana do Circuito Mundial de Va’a (canoa polinésia), a Rio Va’a 2011 será o palco do Campeonato Brasileiro de Va´a 2011.
A prova é realizada sob os auspícios da Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa), da Federação de Canoagem do Estado do Rio de Janeiro e da Federação Internacional de Va’a (F.I.V.).O programa compreende provas de V6 longa distância, V1 média distância, Surfski média distáncia e, pela primeira vez, provas de paracanoagaem V1 (media distância).
Toda a comunicação da prova Rio Va'a e do Sul-Americano de Va'a passará a ser feita através do grupo VaaBrasil, o qual está aberto a todos e tem como intuito difundir as informações do nosso esporte.
Contamos com a presença de todos para participar deste evento comemorativo dos 10 anos da Riova´a.
Maururu
Massimo Novello

Canoagem agita Praia da Urca

Três eventos de canoagem animaram a Praia da Urca no último sábado, dia 27 de agosto.
A Copa Rio 2011 - II Etapa do Estadual de Canoas Havaianas reuniu  quase cem remadores, canoistas e paracanoistas, numa disputa emocionante em mar agitado. A adrenalina rolou solta nas veias dos competidores que enfrentaram ondas grandes, correnteza e ventos fortes na boca da Baía de Guanabara. O relato da Letícia no beiradasdorio dá bem a noção do que foi a prova, vale conferir. Os resultados das provas estão no site do urcacanoeclube
Enquanto rolava a acirrada disputa entre Va'as, nas águas tranquilas da Praia da Urca acontecia o II Curso de Canoagem Oceânica provovido pelo CCC em parceria com a Aroeira Outdoor. Mais uma vez, Christian Fuchs e sua equipe de instrutores esbanjaram simpatia e competência durante as aulas, que abordaram desde os fundamentos da canoagem até as técnicas avançadas. O curso continuou no domingo e fechou com uma clínica de apoios e de introdução ao rolamento esquimó.
No meio disso tudo estavam Fábio Paiva, Macuco, Coelho e Leo apresentando, cheios de entusiasmo, os surfskis Molokai e Moana da Opium. Não é todo dia que temos a sorte de ter tantas feras dando dicas tão preciosas sobre esses barcos nervosos que chegaram para ficar no cenário canoístico brasileiro. Os quatro vieram ao Rio para participar do abraço ao Forte da Laje, que reuniu no final do dia, depois da premiação aos vencedores da Copa Rio e de encerrado o Curso do Fuchs, mais de 25 canoístas entre os quais Ronaldo, Biga, Edson, Ornellas e Danilo da ECCO. 
Esse dia fica pra história e demonstra que a canoagem carioca segue seu caminho, evoluindo sempre no sentido de um maior aprimoramento técnico dos atletas, da organização dos eventos na cidade e do convívio sempre harmonioso e fraterno entre as diversas modalidades de canoagem de mar. Parabéns a todos!

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Programa Consciência Ambiental comemora 1 ano

No dia 6 de setembro a Rádio Oceânica de Niteroi vai fazer uma festa para comemorar 1 ano do programa Consciência Ambiental, apresentado pela Luiza Perin.  A festa vai marcar também o aniversário da Luiza e o início da parceria entre o programa e o Clube Carioca de Canoagem .
Se você é da família CCC venha festejar conosco!

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Abrace o Laje

O Clube Carioca de Canoagem e a ECCO Canoagem vão promover, no sábado, 27 de agosto, um abraço simbólico no Forte da Laje (Forte Tamandaré) visando chamar a atenção das autoridades e da sociedade sobre a necessidade de preservar o patrimônio histórico da cidade e, em especial, o Forte da Laje, situado na entrada da Baía de Guanabara, que se encontra em acelerado processo de degradação.
O Forte foi testemunha de diversos episódios da história do Brasil e do Rio de Janeiro e deve ser preservado para as futuras gerações.
Para saber mais sobre essa importante construção, erguida sobre a laje que viu passar Villegagnon na tentativa de criar a França Antartica no Rio de Janeiro, e a esquadra de Duguay Trouin para sitiar a cidade em 1771, acesse
http://pt.wikipedia.org/wiki/Forte_Tamandar%C3%A9_da_Laje  
Entrada da Baía de Guanabara com Forte da Laje em primeiro plano

O encontro dos canoistas será na Praia da Urca onde diversos remadores do Rio e de outros estados estarão concentrados.
Esse evento conta com o apoio da Opium Caiaques e da  Canoa Brasil que trarão ao Rio o renomado canoista Fábio Paiva, amigo e parceiro do CCC. O Fábio vem com uma turma do surfski e trará vários caiaques Molokai e Moana, pra galera experimentar, ou seja, além de participar da manifestação em favor da preservação do Forte da Laje, os canoistas do Rio terão a oportunidade de testar os melhores surfskis do mercado nacional na presença de especialistas no assunto, todos dedicados à canoagem como esporte e estilo de vida saudável e sustentável.
Sábado, 27 de agosto, na Praia da Urca, à partir de 9 horas da manhã.

Participe!!!

Parceria


Apoio



Curso de Canoagem Oceânica no Rio de Janeiro - Edição 2011


Alô remadores do Rio de Janeiro!!!
O Clube Carioca de Canoagem, em parceria com a Aroeira Outdoor, estará promovendo o 2º Curso de Canoagem Oceânica com Christian Fuchs* em águas cariocas nos dias 27 e 28 de agosto na Praia da Urca.
O curso abrange o “Essentials of kayak touring” e “Basic Strokes and Rescue” – Nível 2 e 3 e “Kayak Rolling”, nível 3/4 da ACA** - American Canoe Association.
A ACA é a maior associação de canoagem do mundo, sem fins lucrativos, com mais de 130 anos, que forma mais de 800.000 alunos por ano através de mais de 4500 instrutores, com uma metodologia baseada no “aprender fazendo” e principalmente se divertindo.
Data: 27 e 28 de agosto
Local: Praia da Urca
Duração: 2 dias – das 9:00 as 17:00, com pausa de almoço das 12 às 13
Programa: O nível 2 e 3 será feito no sábado e metade do domingo. A Clínica de Rolamento acontecerá na segunda metade do domingo, dia 28.
- Design de caiaques e suas implicações (estabilidade x velocidade...)
- Equipamentos ( coletes salva-vidas com apito, sinalização, saia, cabo de reboque, bomba, caneca e esponja, primeiros socorros, sacos estanque, remo reserva,...)
- Meteorologia: ventos e entrada de tempestade e seus sinais e riscos. Como prever
- Cartas náuticas e tábua de marés. Como utilizá-las no planejamento da sua remada
- Resgates: saída molhada, resgate cowboy, resgate com flutuador, resgate em T, resgate de nadador
- Técnicas de remada frente e ré, varredura, leme de popa e proa
- Apoios alto e baixo
- Deslocamentos laterais Clínica de rolamento
- Prática passo a passo de vários tipos de rolamento (C to C, varredura e técnicas groenlandesas)
Inclui: Certificado ACA de participação no curso.
Almoço, bebidas e equipamentos não estão inclusos, mas o CCC disponibilizará um gazebo com água, frutas e lanches leves, enquanto a Aroeira trará alguns caiaques e equipamentos para disponibilizar.
Importante: Trazer uma máscara de mergulho para a clínica de rolamento.
Valor: R$290 para não sócios do CCC (ou 2 x R$150); R$190 para sócios do CCC. (ou 2 x R$100)

Participe! Não perca essa oportunidade!!!

Veja como foi a edição 2010 do curso.


*Christian Fuchs
Remador de travessias há 12 anos, é idealizador da Aroeira Outdoor, que há 6 anos oferece viagens em caiaque oceânico e cursos com certificação da ACA, pioneiros na América do Sul.
É instrutor da ACA nível 4 (Open Water) e participou da formação dos primeiros instrutores da ACA na Argentina, em Bariloche e Peninsula Valdez.
Já fez diversas expedições, como Rio – SP, Salvador - Alcobaça, Recife – Fortaleza, Salvador – Recife e diversas menores como Ilha Grande (7 x), Ilhabela (4 x), Cananéia a Ilha do Mel (5 x).

Para fazer uma iniciação ao Kayak de Mar no Rio de Janeiro, escreva para trilhasdomar.contato@gmail.com

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Novidade no mercado: Remos Bless

http://www.blesssports.com/

Copa Rio 2011 - II Etapa do Campeonato de Canoa Havaiana do Estado do Rio de Janeiro

A Federação de Canoas Havaianas do Estado do Rio de Janeiro - FCHRJ (http://www.fchrj.org/) e o Urca Canoe Clube - UCC (http://www.urcacanoeclube.com.br/) têm o prazer de convidar a todos para a Copa Rio 2011 - II Etapa do Campeonato de Canoas Havaianas do Estado do Rio de Janeiro - que será realizada na Praia da Urca, no dia 27 de agosto de 2011 (sábado).
Todas as informações, fichas de inscrição e o termo de responsabilidade estão disponíveis para download no site http://www.urcacanoeclube.com.br/


quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Aventura em caiaque solo de Bruno Fitaroni chega ao fim

Depois de dias agarrado na Praia do Bonete em Ilhabela, Bruno, finalmente, volta ao mar.

"SÁBADO, DIA 07/08.
BONETE (ILHABELA) - ILHA DAS ILHAS
45KM EM 7:00HS (VALORES APROXIMADOS, GPS PIFOU)
CONSEGUI SAIR DA ILHABELA. VIVA!
MAR COM POUCA ONDA E VENTO FRACO.
MUITOS GOLFINHOS. FELIZ POR NAVEGAR NOVAMENTE, FALTA POUCO.
MILHAS E LUAS PASSARAM, PASSEI FRIO, DOR, CANSAÇO, E CONTINUO SEGUNDO MEU DESTINO.
SEMPRE EM FRENTE,
FITARONI"

DOMINGO, DIA 07/08
ILHA DAS ILHAS - CAMBORIZINHO (ILHA DE SANTO AMARO)
46,7KM EM 07:24HS.
VEL MEDIA 6,6KM/H VEL MAX 11,6KM/H
HORA DA CHEGADA 04:10PM.
DIA DE POUCO VENTO E MAR UM POUCO MAIOR QUE ONTEM.
REMADA CANSATIVA FEITA AS CEGAS DEVIDO AO NEVOEIRO.
NAVEGUEI SEM DESGRUDAR OS OLHOS DA BÚSSOLA E DA CARTA.
AS VEZES ENXERGAVA AO LONGE A COSTEIRA A MEU BORESTE.
SÓ VI A ILHA DE SANTO AMARO A 8KM DO FIM.
AMANHÃ, SE O MAR PERMITIR, CHEGO A SANTOS,
MAS AINDA TENHO MAIS 36KM DE REMADA.
TO CHEGANDO PESSOAL!
ALOHA!
FITARONI

Na segunda, dia 8, Bruno saiu da ilha de Santo Amaro e desembarcou em segurança em Santos. Agora é esperar para ouvir ao vivo seus relatos. Parabéns, amigo!!!

"O Bruno já chegou em Santos, chegou segunda feira a tarde, tudo tranquilo. [...] Infelizmente não pudemos fazer a recepção que ele merecia, por ter chegado numa segunda feira, caso tivesse sido domingo, teriamos muita gente na água!"
Jefferson Sestaro
"[...] caminhando com o zecão na rua e quem que eu encontro?? Dona Hilda, mãe do Fitaroni...'o Bruno chegou em casa hoje caranguejo...tá dormindo!!!' Beleza Brunão!! missão cumprida e objetivo conquistado!!! que beleza heim rapaziada!!! podemos nos sentir orgulhosos pois nosso amigo é integrante do nosso amado clube de praia. [...] o que faz a coisa acontecer são as pessoas e não estruturas mil de cavaletes...basta ter vontade, coragem e foco no objetivo...o resto os deuses do mar se encarregam de ajudar...ALOHA CAPITÃO!!!!!SEJA BEM VINDO DE VOLTA AO MUNDO DO SÓLIDO!!!"
Tonho Caranguejo

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Golfinhos-Flíper e o Arquipélago das Cagarras

O golfinho-flíper é um dos mamíferos marinhos mais bem distribuído e melhor conhecido. No entanto seu mundo submarino permanece alienígena para a maioria dos humanos, mas uma crescente conscientização sobre este animal tem conduzido a demandas de pesquisas tanto para a conservação da espécie quanto para o seu hábitat.

Distribuição – Onde vivem ?
O golfinho-flíper, Tursiops truncatus (Montagu, 1821) apresenta uma distribuição cosmopolita em águas tropicais, temperadas e subtropicais. Encontra-se bem adaptado a uma variedade de habitats marinhos e estuarinos sendo que, ocasionalmente, pode penetrar em rios e lagoas costeiras. Apesar dos hábitos essencialmente costeiros, pode ser encontrados também em águas pelágicas, principalmente nas proximidades de ilhas oceânicas, atóis e na borda da plataforma continental, apresentando, portanto, uma grande plasticidade ambiental.
As populações costeiras e oceânicas apresentam diferenciações morfológicas, osteológicas, moleculares e variações ecológicas.
No Atlântico Sul Ocidental, a ocorrência da espécie encontra-se assinalada em águas costeiras desde o Estado do Amapá, norte do Brasil, até a Província da Terra do Fogo, sul da Argentina e em áreas oceânicas como nos Arquipélagos de São Pedro e São Paulo e Fernando de Noronha, Atol das Rocas e na Ilha de Trindade.
Pequenas populações residentes são encontradas em regiões costeiras nos Estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, geralmente associadas à desembocadura de rios, estuários e complexos lagunares como os de Rio Grande, Tramandaí, Torres (RS), Araranguá, Laguna, Florianópolis e Itajaí (SC), e há uma população semiresidente registrada para o Arquipélago das Cagarras (RJ). Em áreas oceânicas populações residentes ocorrem no Arquipélago de São Pedro e São Paulo e possivelmente na Ilha de Trindade.
Ao longo da costa Atlântica da América do Sul, a existência de uma forma norte (de menor tamanho, que habitaria águas mais quentes sob a influência da Corrente do Brasil) e outra sul (de maior tamanho, que ocorreria em águas mais frias influenciadas pela Corrente das Falklands) foi sugerida com base em dados morfométricos cranianos e moleculares.
Trabalhos mais recentes deixaram claro que a variação geográfica da espécie no Atlântico Sul Ocidental é complexa, e a potencial ocorrência de formas/ecótipos/espécies diferentes, tanto no eixo norte/sul como no aspecto costeiro/oceânico, necessita ser melhor investigada, com uma possível reavaliação do status taxonômico no futuro.
Devido a sua ampla distribuição, no Brasil o golfinho-flíper é conhecido por vários nomes populares tais como golfinho-nariz-de-garrafa, boto, toninha, tunina, boto-da-tainha ou boto-da-corvina.

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Temporada de golfinhos nas Cagarras

Estamos na temporada dos golfinhos-flíper no Arquipélago das Cagarras.
Peço-lhes que se os virem no arquipélago ou ao longo da costa do Rio de Janeiro que preencham e enviem a ficha de avistagem ou encaminhem as informações para fliper.rj@gmail.com.
A colaboração de todos neste sentido é muito importante para a obtenção de informações para a pesquisa científica.
Desde já, obrigada pela atenção.
Abraço,
Liliane Lodi
Instituto Aqualie e Projeto Ilhas do Rio

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Últimas notícias da travessia do Bruno

SEXTA, DIA 29/07.
PRAIA DO CEDRO - PRAIA DA CAVEIRA (ILHABELA):
33,8KM EM 05:07HS.
VEL MÉDIA 6,5KM/H
VEL MAX 10,9KM/H
CHEGADA 13:58HS
REMADA INCRÍVEL, PRAIA FANTÁSTICA!
ALOHA,
FITARONI

SABADO, DIA 30/07
PRAIA DA CAVEIRA
MUITO VENTO NA PRAIA, PARECE W (OESTE).
VOU PRO MAR PARA SENTIR COMO ESTÁ LÁ.
TENTAREI PASSAR PELA PONTA DO BOI E IR PARA ENCHOVAS OU BONETE.
(...) REMEI 7,3KM TENTANDO GANHAR DO VENTO.
MUITO VENTO DE SW (SUDOESTE) LÁ FORA.
PASSAREI MAIS UMA NOITE NA PRAIA DAS CAVEIRAS.
MUITA CHUVA À NOITE.
MOLHADO,
FITARONI
Praia da Caveira - Bonete
 DOMINGO, DIA 31/07.
PRAIA DAS CAVEIRAS - PRAIA DO BONETE
30KM EM 04:51HS
VEL MEDIA 6,2KM/H VEL MÁX 10,1KM/H
CHEGADA 13:13HS
DESARMADO ACAMPAMENTO DEBAIXO DE CHUVA.
REMADA RENDENDO BEM ATÉ A PONTA DO BOI.
DALI EM DIANTE VELOCIDADE BAIXA.
VI O ALBATROZ DA JUATINGA OUTRA VEZ!
CHAMO ELE DE GENÉSIO.
APARECE NOS MOMENTOS MAIS CRÍTICOS.
ENTREI NO RIBEIRÃO DO BONETE.
ALTAS ONDAS PARA O SURF NO CANTO OPOSTO.
SEMPRE EM FRENTE,
FITARONI
Praia do Bonete
Praia do Bonete