Intermediários

Processos, ferramentas e ambientes para objetivos subjetivos

O que é invisível a nós? Que coisas escapam aos cinco sentidos, que estão presentes mas não podem ser definidas? Ou seria a pergunta, o que é o invisível?

Um objeto é comum. Porém quando é portador de um poder, o que passa a ser? Um talismã, uma arma, um instrumento? O poder transforma o objeto em um veículo, uma ferramenta que permite ao seu operador realizar o objetivo proposto. Igualmente, uma área quando designada e delimitada passa a ser o espaço que possibilita o acontecimento do objetivo proposto. E interessam também os espaços de fronteiras pouco definidas, como são os espaços emocionais e espirituais, da mesma forma os dos sonhos e os das fantasias. Espaços estes que são abstratos e impalpáveis, que se permeiam e se confundem entre si, onde entramos e de onde saímos constantemente sem nos dar conta.

Os objetos-espaços atuam entre o físico, o psicológico, o emocional e o invisível. São intermediários e como tal passam a depositários de possibilidades, poderes e anseios. Pontuam o silêncio. São ações poéticas que existem no vazio entre as continuidades.

Rodrigo Cardoso, 2006

sexta-feira, 4 de março de 2011

Regata Ratier 2011 - AVISO DE PROVA



II REGATA RATIER – 2011
3° ENCONTRO DE CONFRATERNIZAÇÃO DE CANOAGEM OCEÂNICA


AVISO DE PROVA

O Clube Carioca de Canoagem terá grande prazer em receber você e sua equipe de Canoagem para a II Regata Ratier – 3° Encontro de Confraternização de Canoagem Oceânica, a ser realizada no sábado, 7 de maio de 2011.
Quando Villegagnon chegou ao Rio de Janeiro em Novembro de 1555, percebeu a importância de fortificar a pequena Ilha situada na entrada da Baia de Guanabara para defender o que seria a França Antártica e instalou duas baterias de artilharia. A ilhota que passou a ser conhecida como “Le Ratier” logo foi abandonada e só voltou a ser reconstruída e ocupada muitos anos mais tarde pelos portugueses. O Forte Tamandaré foi desativado nos anos 90 e desde então tem sofrido com a ação do tempo, do mar e de vândalos que já levaram o pouco que restava desse verdadeiro patrimônio histórico e cultural do Rio de Janeiro e do Brasil.
A II Regata Ratier, organizada pelo Clube Carioca de Canoagem, assim como sua primeira edição ocorrida em 2010, representa um abraço simbólico no “nosso Laje”, e tem como objetivo promover a canoagem oceânica, oportunizando o encontro de canoístas de vários horizontes e buscando atrair um maior número de praticantes. O evento também pretende chamar a atenção para a necessidade de preservar os ambientes cultural, histórico e natural da Baía de Guanabara.

LOCAL E DATA:
Dia 7/05/2011, sábado, às 7h na areia da Praia da Urca, junto ao antigo Cassino.

PERCURSO:
O percurso será realizado parte ao longo da orla, parte atravessando o canal entre o Cara de Cão e o Forte da Laje. Com aproximadamente 5 km, começa na praia da Urca, segue na direção do Forte da Laje, que deverá ser contornado por bombordo (sentido anti-horário), para em seguida retornar à Praia da Urca.


SEGURANÇA:
Durante a prova os competidores serão acompanhados por três barcos motorizados: um barco batedor seguindo à frente dos primeiros colocados, um barco de retaguarda fechando o pelotão e um bote de acompanhamento cuidando do meio da prova. Todos os barcos de apoio deverão assistir as embarcações viradas, inundadas, danificadas ou incapazes de seguir a prova.
O uso de colete de flutuação será obrigatório para todas as classes de embarcação, sendo que os caiaquistas também deverão usar coberta contra respingos (saia).

ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE:
Os competidores participam do evento a seu próprio risco e responsabilidade. Os organizadores, instituições, entidades e indivíduos envolvidos com a realização do evento não aceitarão qualquer responsabilidade por perdas e danos materiais, físicos ou morte, que possam ocorrer a pessoas ou propriedades relacionadas diretamente com a prova, tanto em terra quanto no mar, como conseqüência da participação no evento.

ARBITRAGEM:
Apesar de constituir um evento festivo voltado para a confraternização entre canoístas, e a fim de assegurar a lisura da competição, um árbitro, auxiliado por um cronometrista, fará o controle da largada e da chegada. Um inspetor de percurso será responsável pela fiscalização do contorno do forte.

INSCRIÇÕES:
As fichas de inscrição deverão ser enviadas, juntamente com os comprovantes de depósito da taxa de inscrição, até sexta-feira, dia 29 de abril de 2011 para regataratier@gmail.com. A taxa de inscrição deverá ser depositada em favor do Clube Carioca de Canoagem (CNPJ 08.422.356/0001-25) no Banco Itaú, agência 0271, conta corrente 80573-1. O termo de responsabilidade deverá ser assinado e entregue no dia da prova na ocasião do recebimento dos numerais.

TAXA DE INSCRIÇÃO:
Com objetivo de facilitar a organização e de fazer uma previsão orçamentária mais equilibrada, evitando gastos desnecessários, esse ano teremos taxas com valores diferenciados em função da antecedência dos pagamentos.
Até 31 de março de 2011: R$ 25,00 (vinte e cinco Reais)
Até 29 de abril de 2011: R$ 35,00 (trinta e cinco Reais)
No dia da prova: R$ 50,00 (cinqüenta Reais)

CLASSES DAS EMBARCAÇÕES:
Caiaque oceânico (simples e duplos): comp. mín. de 4,61m e larg. mín. de 45 cm
Caiaque turismo (simples): comp. mín. de 4m, máx. de 4,60 e largura mínima de 50 cm

Caiaque Sit on Top (simples): sem restrições
Canoa havaiana (simples e duplas): sem restrições

CATEGORIAS E PREMIAÇÕES:
Sênior individual masculino (até 34 anos) – 1º, 2º e 3º lugares
Sênior individual feminino (até 34 anos) – 1º, 2º e 3º lugares
Máster individual masculina (acima de 34 anos) – 1º, 2º e 3º lugares
Máster individual feminina (acima de 34 anos) – 1º, 2º e 3º lugares
Open dupla masculina – 1º, 2º e 3º lugares
Open dupla feminina – 1º, 2º e 3º lugares
Open dupla mista – 1º, 2º e 3º lugares

PROGRAMAÇÃO E PROCEDIMENTO DE LARGADA:
07h00 – início da secretaria
08h00 – fim das inscrições
08h15 – briefing
08h30 – entrada dos competidores na água
08h45 – apitada de atenção: competidores se dirigindo para a área de largada
08h55 – apitada de preparação: competidores posicionados na área de largada
09h00 – tiro de largada
10h30 – premiação
11h00 – confraternização

OBS 1: caso haja muitos inscritos, as largadas poderão ser por categoria.
OBS 2: em caso de mau tempo, será proposto um percurso alternativo em águas abrigadas. Se mesmo o percurso alternativo não puder ser realizado, a prova será adiada para o sábado seguinte.

Participem!!!

Clube Carioca de Canoagem - CCC

Nenhum comentário:

Postar um comentário