Intermediários

Processos, ferramentas e ambientes para objetivos subjetivos

O que é invisível a nós? Que coisas escapam aos cinco sentidos, que estão presentes mas não podem ser definidas? Ou seria a pergunta, o que é o invisível?

Um objeto é comum. Porém quando é portador de um poder, o que passa a ser? Um talismã, uma arma, um instrumento? O poder transforma o objeto em um veículo, uma ferramenta que permite ao seu operador realizar o objetivo proposto. Igualmente, uma área quando designada e delimitada passa a ser o espaço que possibilita o acontecimento do objetivo proposto. E interessam também os espaços de fronteiras pouco definidas, como são os espaços emocionais e espirituais, da mesma forma os dos sonhos e os das fantasias. Espaços estes que são abstratos e impalpáveis, que se permeiam e se confundem entre si, onde entramos e de onde saímos constantemente sem nos dar conta.

Os objetos-espaços atuam entre o físico, o psicológico, o emocional e o invisível. São intermediários e como tal passam a depositários de possibilidades, poderes e anseios. Pontuam o silêncio. São ações poéticas que existem no vazio entre as continuidades.

Rodrigo Cardoso, 2006

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

XXII Meia Maratona de Canoagem da Escola Naval

Nesse domingo agora, 9/10, acontece a XXII Meia Maratona de Canoagem Oceânica da Escola Naval. A expectativa dos organizadores é de receber mais de 200 atletas de todo o Brasil para um percurso de aproximadamente 16 Km num dos cenários mais bonitos do mundo: a Baía da Guanabara.
O trajeto inicia na Ilha de Villegagnon, sede da Escola Naval, contorna a bóia de perigo isolado situada à leste do Forte da Laje, depois passa pela estátua do santinho na Urca e retorna para a Ilha de Villegagnon costeando a Praia do Flamengo.
Essa competição coloca à prova os canoístas pois, dependendo das condições do mar, pode ser muito exigente. Além disso é uma oportunidade única no Rio de Janeiro para encontrar remadores de diversos estados, iniciando novas amizades ou fortalecendo as antigas.
Esse ano teremos no mar caiaques oceânicos, caiaques turismo, canoas havaianas e os novos surfskis, barcos super velozes e nervosos.
Em terra estarão acontecendo diversas atividades: exposição de veículos militares, apresentações artísticas, além de brincadeiras e muita diversão para a criançada.
Vale a pena conferir. A entrada é franca.
Venha participar e traga a família!

Nenhum comentário:

Postar um comentário